Memória: Em 1918, Companhia oferecia transporte gratuito para jogos do Santos FC

Memória: Em 1918, Companhia oferecia transporte gratuito para jogos do Santos FC

No dia 11 de fevereiro de 1918, a Gerência da C.S.I.C. publicava na imprensa local, uma nota esclarecedora a respeito da solicitação feita por vários torcedores que queriam mais bondes quando da realização de jogos no campo do Santos FC na Vila Belmiro:

Football na Villa Belmiro

“Esta companhia não dispõe de carros sobresalentes sufficientes para manter o serviço habitual da cidade e oferecer simultaneamente grande quantidade de carros para para o transporte immediato da multidão de assistentes aos matches de football.

Addiciona-se a difficuldade de adivinhar o destino desejado pela maioria dos assistentes, retardando a volta dos extraordinarios que emprehendem longos itinerarios.

Diante deste problema sem solução pratica, emquanto se não puder adquirir carros addcionaes e duplicar a linha singela existente, a Companhia resolveu fornecer TRANSPORTE GRATUITO até a Villa Belmiro, logo que terminem os “mathces”, despachando na própria Estação de Bondes, carros para as diversas linhas, aproveitando a circumstancia de passar tambem, na Villa Mathias, carros de horario para um certo numero de linhas.

Isto, posto, o transporte de passageiros depois dos “mathces” na Villa Belmiro só será feito até á Avenida Anna Costa, onde será necessario fazer baldeação para os carros ordinarios e extraordinarios das diversar linhas.

Os especiaes para o transporte gratuito serão estacionados ao longo do Canal, na embocadura da rua Tiradentes, afim de evitar a confusão causada pelo transito de automoveis.

Completada a sua lotaçaõ, os especiaes partirão immediatamente com destino à Villa Mathias, onde serão evacuados, afim de voltarem novamente ao ponto de partida.

Os carros da linha 17 não estão incluidos nas disposições supra e nelles serão cobradas as passagens regularmente”.

Guilherme Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística