Memória: Dino Furacão marcava quatro gols contra o Náutico

Memória: Dino Furacão marcava quatro gols contra o Náutico

Todos os torcedores do Peixe que estiverem presentes na Vila Belmiro no dia 28 de setembro de 1986, não esquecem esse dia pois foi justamente nessa data que o Santos FC venceu a equipe do Náutico Capibaribe pelo placar de 5 a 0 pelo Campeonato Brasileiro. Seria apenas mais uma vitória santista por um placar dilatado não fosse o fato de que quatro dos cinco gols do Alvinegro foram marcados pelo desconhecido centroavante baiano de nome Raimundo Nonato Magalhães Barreto, apelidado de Dino Furacão que fora contratado junto ao São Bento de Sorocaba.

O time da Vila que era dirigido por Chico Formiga formou com: Rodolfo Rodriguez; Ijuí, Nildo, Pedro Paulo e Paulo Robson (Gilmar); Dunga, Ribamar e Junior; Jussiê (Serginho Secundino), Dino Furacão e Santín. O outro gol santista na goleada foi marcado pelo atual técnico da Seleção Brasileira, Dunga.

O técnico da equipe do Náutico na ocasião era o ex-santista Carlos Alberto Torres, o lateral-direito campeão mundial no México em 1970. Dino o autor dos quatro gols santista jogou pelo Peixe 25 partidas nos anos de 1986/87 e marcou 11 gols com a camisa do Santos FC. Após sua curta passagem pela Vila o jovem atacante soteropolitano foi jogar na equipe do Nacional da Ilha da Madeira em Portugal.

Guilherme Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística