“Mais maduro”, Diogo trabalha na Copa Paulista vislumbrando nova oportunidade no time principal

“Mais maduro”, Diogo trabalha na Copa Paulista vislumbrando nova oportunidade no time principal

Polêmicas fazem parte do passado na carreira do promissor atacante Diogo. Camisa 10 do Santos B na disputa da Copa Paulista 2017, o jogador está demonstrando uma boa conduta de trabalho nesta temporada e se tornou um dos principais destaques da equipe na competição estadual.

“Venho trabalhando bastante e esperava atuar bem nessa Copa Paulista. Fico feliz em estar ajudando com assistências, como foi o caso do último jogo (contra o Nacional). Estou de me dedicando nos treinamentos para isso. Para fazer o melhor para o Santos FC dentro do campo”, declarou o atleta, de 20 anos.

Mesmo com a pouca idade, Diogo sempre foi visto como uma das principais promessas das categorias de base do Peixe, tanto que chegou a ser promovido ao time principal em 2016. Naquela oportunidade, o então camisa 36 estreou na vitória por 3 a 0, contra o Botafogo, em junho, no Pacaembu.

Porém, após faltar em um treino, Diogo retornou as categorias inferiores do Clube. Com o trabalho realizado nessa temporada, junto ao time B, ele vislumbra uma oportunidade de retornar à equipe principal: “A gente vai ficando mais velho, mais maduro. O tempo está passando e procurei mudar no meu dia a dia, até mesmo fora de campo. Tenho certeza que estou no caminho certo, espero fazer uma boa Copa Paulista, para logo mais ter uma nova oportunidade no time principal. Estou trabalhando para isso”.

O técnico Kleiton Lima concorda que e existe uma mudança de postura do atleta neste ano e valoriza o empenho demonstrado no dia a dia. “Houve um amadurecimento da parte dele. E é importante porque ele está em um Clube que da todas as condições e oportuniza boas chances aos atletas vindos da base. Percebemos que ele está mais maduro neste ano. Vejo muita dedicação da parte dele, que está comprometido com o grupo e buscando uma melhora significativa a cada semana. Tenho o cobrado diariamente e vejo uma diferença nele em comparação a outros momentos”.

Diogo garante que interferências externas e a pressão de ser uma promessa em um Clube tão revelador como o Santos FC já o atrapalham um pouco em um passado recente, coisa que não acontece mais. “Quando começou essa história de novo raio, promessa do Santos FC, me incomodava um pouco, mas hoje em dia não mais. Consigo deixar isso de lado e fazer o meu trabalho. O que eu mais quero é ‘virar’ e se Deus quiser vai dar certo”.

(Fotos: Ivan Storti)