Jogo histórico: contra o Botafogo (SP), na Vila, Santos FC fará partida de número 6 mil

Jogo histórico: contra o Botafogo (SP), na Vila, Santos FC fará partida de número 6 mil

Bicampeão Mundial, três vezes campeão da Libertadores da América, oito vezes campeão brasileiro, uma Copa do Brasil e 22 vezes campeão paulista. São dezenas de títulos nos quase 106 anos de glórias, com 12.451 gols marcados. E o Alvinegro mais famoso do mundo irá entrar mais uma vez para a história do futebol. Nesta quarta-feira (21), contra o Botafogo (SP), às 19h30, na Vila Belmiro, pela partida de volta das quartas de final do Campeonato Paulista, o Santos FC fará a partida de número 6 mil em todos os tempos. Veja aqui como comprar o ingresso.

A primeira partida do Santos FC aconteceu no dia 15 de setembro de 1912:

Dia – 15/09/1912

Santos FC 3 x 2 Santos AC

Avenida Ana Costa, 22 – Santos

Amistoso

SFC: Julien Fauvel; Sidnei e Arantes; Ernani, Oscar e Montenegro; Millon, Hugo, Nilo, Simon e Arnaldo Silveira.

SAC: Parsons; Kent e Deweck; Wood, Seddon e Lee; Saul, De Saone, Allen, V. Cross e H. Cross.

G: Arnaldo Silveira (2) e Adolpho Millon – Lee (2)

A partida de nº 1000:

Dia – 11/10/1947

Santos FC 1 x 2 Portuguesa de Desportos

Pacaembu – São Paulo

Campeonato Paulista

R: Cr$ 46.211,60

A: Vicente Gengo

SFC: Renê; Artigas e Expedito; Nenê, Alfredo e Castanheira; Odair, Zeferino, Adolfrises, Antoninho e Rubens.

Técnico: Abel Picabéa

APD: Caxambu; Lorico e Nino; Laudelino, Luisinho e Helio; Simão, Pinga II, Nininho, Pinga I e Reginaldo.

Técnico: Jim Lopes

G: Antoninho – Simão e Nininho

A partida de nº 2000:

Dia – 25/05/1963

Santos FC 1 x 1 FK Partizan (SER) Fudbalski klub Partizan

La Meinau – Strasburg

Amistoso

SFC: Gilmar (Laércio); Dalmo, Mauro e Geraldino (Lima); Zito e Haroldo; Dorval (Batista), Mengálvio, Coutinho, Pagão (Nenê) e Pepe.

Técnico: Luiz Alonso Perez, Lula

FKP: Soskic; Jusufi, Sombolac e Vukelio; Vasovic e Sijakovic; Rudiwski, Kovscevic, Hasnagio, Galic e Skoblar.

G: Coutinho – Haswagi

A partida de nª 3000:

Dia – 07/03/1976

Santos FC 0 x 1 EC São Bento

Estádio Urbano Caldeira

Campeonato Paulista

R: Cr$ 55.110,00 – P: 3.977

A: Pedro Inácio Filho

SFC: Willians, Tuca, Marçal, Bianchi, Fernando (Zé Carlos), Clodoaldo, Leo Oliveira, Didi, Cláudio Adão, Toinzinho e Mazinho (Babá).

Técnico: Olavo

ECSB: Geninho; Chiru, Laércio, Arlindo e Nelsinho; Benetti e Gatãozinho; Cláudio, Alves, Tuim (Adão) e Bozó.

G: Adão

A partida de nº 4000:

Dia – 07/07/1989

Santos FC 4×0 Videira EC

Luis Keone – Videira

Amistoso

R: NCz$ 15.000,00 – P: 3.000

A: Antonio Carlos Ceron

SFC: Sérgio (Pelegrine); Heraldo, Cássio, Luiz Carlos e Éder José; César Sampaio, César Ferreira (Axel) e Sócrates (Luís Cláudio); Juary (Nenê), Roberto Cearense e Totonho.

Técnico: Nicanor de Carvalho

VEC: Megasso (Alemão); Melão, Gena, Silvério e Sérgio (Rivelino); Milico, Toninho e Fusca; Dalla, Servílio (Alberto) e Lúcio (Osmar).

G: Melão (contra), Juary, Roberto Cearense e Cesar Sampaio

A partida de nº 5000:

Dia – 21/04/2004

Santos FC 2 x 3 Paraná Clube

Pinheirão – Curitiba/PR – Campeonato Brasileiro

R: R$ 90.840 – P: 7.323

CV: André Luis (SFC)

SFC: Júlio Sérgio; Paulo César (Basílio), Alex, André Luis e Léo; Claiton, Renato, Elano (Alcides) e Diego; Robinho e Leandro Machado (Lopes). Técnico: Emerson Leão.

PC: Flávio; Cláudio, Nelinho, Carlinhos e Wesley; Axel, Beto, Jean Carlo e Fernando (Fernando Lombardi); Adriano (Goiano) e Galvão (Choquito). Técnico: Paulo Campos.

G: Léo e Robinho – Galvão, Carlinhos e Choquito.

(Com informações do Centro de Memória e Estatística do Santos FC)