Jogadores do Santos FC adotam bigode em prol da Campanha Novembro Azul

Jogadores do Santos FC adotam bigode em prol da Campanha Novembro Azul

Com o objetivo de orientar a população masculina a cuidar melhor da saúde e procurar o médico com mais frequência, atletas do Peixe aparecem bigodudos em vídeo da Santos TV. Veja aqui o vídeo.

Assim como o Outubro Rosa trabalha para conscientizar sobre o câncer de mama, o Novembro Azul tem como objetivo alertar os homens sobre a importância da prevenção do câncer de próstata e outras doenças majoritariamente masculinas. Dados comprovam que a cada seis homens, um desenvolve a doença, que é o segundo câncer que mais mata pessoas do sexo masculino. Incoerentemente, 50% dos homens brasileiros nunca foram ao urologista e a doença, quando detectada precocemente, tem 95% de chance de cura.

Além disso, há um movimento internacional chamado “Movember” (união das palavras mustache – bigode em inglês – e november), que também explora o mês para alertar o público masculino sobre a importância de adotar hábitos saudáveis, como fazer exames preventivos, para que eles possam viver mais e melhor. Tendo em vista o público-alvo, o símbolo do Movember é o bigode.

Ricardo Novembro Azul

Inspirado nessas iniciativas, e com o apoio do Instituto Lado a Lado, que lidera a Campanha Novembro Azul no Brasil, o Santos FC reuniu os atletas do seu elenco profissional e comissão técnica para, usando um falso bigode, chamar a atenção dos seus torcedores e simpatizantes sobre o tema saúde masculina. A trilha sonora, que fica por conta da música “Será que tem açúcar no bigode do rapaz?”, composição de Roberto Martins e Augusto Garcez, interpretada pelo clássico grupo musical Demônios da Garoa, permitiu que o assunto fosse tratado com senso de humor.

Integraram a gravação os atletas Chiquinho, David Braz, Gabriel Barbosa, Gabriel Gasparotto, Gustavo Henrique, Lucas Lima, Marquinhos Gabriel, Renato, Ricardo Oliveira, Thiago Maia, Zeca, Vladimir e Rafael Longuine. As participações especiais ficam por conta do técnico Dorival Junior, do auxiliar técnico Lucas Silvestre e de Bernardo, filho de Chiquinho.

O vídeo é mais uma iniciativa do projeto de responsabilidade social do Clube, o “Muito Além do Futebol”, gerido pelo Departamento de Comunicação do Santos FC, e apresenta, entre outros, dados que evidenciam as diferenças no comportamento entre mulheres e homens.

Dorival Novembro Azul

A cada três mortes de pessoas adultas no Brasil, duas são de homens; eles vivem, em média, sete anos a menos do que elas. Estudos comprovam que os homens são mais suscetíveis às doenças, especialmente às enfermidades graves e crônicas, e essa ocorrência está ligada ao fato de que eles recorrem menos frequentemente do que as mulheres aos serviços de atenção primária e procuram o sistema de saúde quando os quadros já se agravaram. Segundo dados do SUS (Sistema Único de Saúde), enquanto o registro de consultas ginecológicas é de 16 milhões de atendimentos, o de consultas ao urologista é de apenas 2 milhões.

Baseado nessas informações, a assinatura do vídeo resume a problemática: “A maior doença do homem é o preconceito. Se cuida, bigode”.

Marquinhos Novembro Azul

Sobre o Câncer de Próstata

A próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino, que pesa cerca de 20 gramas, de forma e tamanho semelhantes a uma castanha. Ela localiza-se abaixo da bexiga e sua principal função, juntamente com as vesículas seminais, é produzir o esperma.

Estatísticas

O câncer de próstata é o tumor mais frequente no sexo masculino, ficando atrás apenas dos tumores de pele, e o sexto tipo mais comum no mundo segundo o INCA (Instituto Nacional do Câncer).
A cada seis homens, um é portador da doença. A estimativa do INCA é de que, por ano, 69 mil novos casos sejam diagnosticados, um caso a cada 7,6 minutos.

Diagnóstico
A doença pode demorar a se manifestar, exigindo exames preventivos constantes para não ser descoberta em estágio avançado e potencialmente fatal. Os exames consistem na dosagem sérica do PSA e no exame de toque retal, que são complementares, pois cerca de 20% dos casos não são detectados pelo PSA.

Fatores de Risco

A recomendação é que homens a partir de 50 anos procurem um urologista para realizar os exames preventivos anualmente. Indivíduos com história familiar de câncer de próstata, da raça negra, sedentários e obesos devem iniciar a prevenção a partir dos 45 anos, pois possuem maior risco de desenvolver a doença.

Prevenção

Quando diagnosticada precocemente as chances de cura da doença são de, aproximadamente, 90%.

Sobre o Instituto Lado a Lado

O Instituto Lado a Lado é uma instituição brasileira sem fins lucrativos, qualificada como OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público), idealizada em 2008. Desenvolve conceitos e projetos, além de apoiar e implantar ações voltadas ao campo da humanização em saúde e da atenção integral ao cidadão em diferentes fases da vida. Mais informações disponíveis em www.novembroazul.com.br

Sobre o Muito Além do Futebol

O Muito Além do Futebol é o projeto que reúne todas as iniciativas de responsabilidade social do Santos Futebol Clube. Com o objetivo de multiplicar posturas saudáveis, solidárias e voluntárias, atletas das categorias de base, do elenco profissional e do futebol feminino são envolvidos em ações que promovem a cultura de paz, a inclusão social, o esporte como elemento de transformação social, e os direitos à saúde, educação e proteção. Mais informações disponíveis em launch.santosfc.com.br/muito-alem-do-futebol/