Cônsules da Rússia visitam o Memorial das Conquistas na Vila Belmiro

Cônsules da Rússia visitam o Memorial das Conquistas na Vila Belmiro

(Crédito: Dennis Calçada / Santos FC)

A grandeza do Santos Futebol Clube é imensurável e mundialmente reconhecida. Isso não é novidade. E o clube está acostumado a receber visitantes de todas as idades, locais do mundo e figuras ilustres. Nesta semana, a Vila Belmiro recebeu dois cônsules da Rússia. Ambos vieram pela primeira vez ao Santos FC e são amantes do futebol. Yuriy Dubinin, Cônsul da Rússia em São Paulo, e Vladimir Tokmakov, Cônsul da Rússia em Rio de Janeiro.

Os dois realizaram um dos passeios mais conhecidos do Memorial das Conquistas, que é a visita monitorada, onde o torcedor conhece o museu, vestiário, sala de imprensa, arquibancadas, e claro, o gramado da Vila Belmiro.

“É uma história de futebol. Não apenas a história de futebol do Santos e do Brasil. É uma história do futebol mundial. Vários jogadores brasileiros são conhecidos na Rússia, mas ninguém como o Pelé. O que podemos falar de Pelé? (risos). É um clube muito forte, por isso quisemos conhecer melhor o Santos. Vamos ter a Copa das Confederações na Rússia e queremos sempre estar por dentro do futebol. Somos todos amigos, mas adversários apenas em campo.”, disse Yuriy, lembrando que no ano que vem acontece a Copa das Confederações, competição que antecede a Copa do Mundo de 2018 em território russo.

Vladimir Tokmakov falou de Pelé, claro, mas também lembrou do carinho do torcedor russo pelos brasileiro. Vladimir tinha o sonho de conhecer o Santos Futebol Clube. Sonho que foi realizado. “Fiz questão de visitar o Santos. Sempre tive um desejo muito grande de conhecer este clube. Sempre foi um grande prazer ver o Santos jogar, não apenas a geração do Pelé, que nem precisamos mencionar. Mas as novas gerações também, como Neymar, Robinho, Diego e muitos outros. Para mim é uma grande honra estar aqui. Infelizmente o Brasil não vai participar da Copa das Confederações, mas tenho certeza que vai para a disputa da Copa do Mundo. Os brasileiros serão muito bem recebidos na Rússia, assim como os vários jogadores brasileiros, que são vários em nosso país, e muito queridos por todos torcedores.”