Com elenco tomando forma, Santos FC abastece time principal com atletas da base e equipe B

Com elenco tomando forma, Santos FC abastece time principal com atletas da base e equipe B

O Santos FC segue abastecendo sua equipe principal com jogadores da base e do time B. Prova disso, são os atletas que o técnico Dorival Júnior tem utilizado nos últimos meses. Na primeira partida da final do Campeonato Paulista, por exemplo, o Peixe contou com um gol importante do meia Ronaldo Mendes, que veio do time B. Outro exemplo recente é o atacante Diogo Vitor, que veio do Sub-20 e começa a ganhar chances no elenco de cima.

Além destes exemplos, alguns Meninos da Vila de longa data seguem trabalhando firme com Dorival Júnior. O meia Léo Cittadini é um exemplo disso. Criado na base santista, o garoto tem atuado na equipe titular ao lado de Vitor Bueno, que subiu da equipe B no final do ano passado. No duelo contra o Sport (PE), na última quarta-feira, o lateral-esquerdo Caju, que também veio da base, substituiu Zeca, que cumpriu suspensão automática, e também é prata da casa.

Meia Léo Cittadini já tem sequencia de quatro jogos como titular (Foto: Ivan Storti/SantosFC)
Meia Léo Cittadini já tem sequencia de quatro jogos como titular (Foto: Ivan Storti/SantosFC)

“Eu acho que isso é necessário para o clube. Esse trabalho cria uma identidade própria do jogador com a equipe. Os atletas começam a criar uma ligação desde a base com a camisa do Santos FC. É uma sensação importante. Deixa de existir aquela condição de times que são de aluguel. Pelo contrário. O Santos FC é formado aqui dentro e somente alguns jogadores vem de fora completar isso. Além disso, existe um reconhecimento nacional da maneira que Santos FC conduz suas categorias de formação, que geram resultados importantes”, disse o técnico Dorival Júnior.

À frente das categorias de base do Santos FC, o gerente Ronaldo Lima ressalta o desejo dos garotos em ingressarem na equipe principal do Peixe.

“O Objetivo da base santista é suprir as necessidades do time principal. Com isso, todos os jogadores têm vontade de subir para o profissional. Ser observado e chamado pelo Dorival Júnior é um grande incentivo para que os nossos garotos sigam se dedicando e sonhando com uma vaga fixa nessa equipe, ressaltou.

Técnico Kleiton Lima orienta atletas da equipe B do Peixe (Foto: Ivan Sorti/SantosFC)
Técnico Kleiton Lima orienta atletas da equipe B do Peixe (Foto: Ivan Sorti/SantosFC)

Treinando firme a equipe B, o técnico Kleiton Lima aprova esta integração e ressalta a importância deste trabalho para o Santos FC.

“A nossa categoria tem trabalhado firme e o Dorival tem notado isso. Ele observa os atletas e tem dado chances. Além disso, realizamos muitos treinos em conjunto, o que só ajuda na nossa integração. Estou feliz pelos resultados já apresentados. Espero que mais jogadores possam subir futuramente”, disse o treinador.