Colombiano Valencia antecipa despedida e não joga mais pelo Santos FC

Colombiano Valencia antecipa despedida e não joga mais pelo Santos FC

O volante colombiano Valencia se despediu do Santos Futebol Clube após passagem de quase dois anos defendendo o uniforme alvinegro. O contrato do camisa 15 terminaria no dia 31 de dezembro de 2016 mas, a seu pedido à diretoria do Peixe, anticipou a despedida, deixando o Alvinegro Praiano na última semana de novembro. A temporada se encerra no domingo (11), na última rodada do Campeonato Brasileiro 2016, na partida contra o América Mineiro, que será disputada no Estádio Urbano Caldeira (Vila Belmiro), em Santos (SP).

Edwin Valencia, de 31 anos, foi apresentado como novo reforço do Santos FC no dia 21 de janeiro de 2015, na sala de imprensa da Vila Belmiro. O volante era titular da Seleção Colombiana e, meses mais tarde, foi convocado por seu País para atuar na Copa América 2015, disputada no Chile.

E foi justamente defendendo sua Seleção que Valencia sofreu uma grave lesão que o afastou quase que por definitivo da equipe santista. No dia 21 de junho de 2015, durante a Copa América, em confronto entre Colômbia e Peru, o volante rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho direito. A cirurgia aconteceu no dia 1º de julho, com tratamento sendo iniciado no Centro de Excelência em Prevenção e Recuperação de Atletas do Futebol no dia 10 do mesmo mês.

E desde então Valencia não conseguiu mais voltar “por completo” ao time do Santos FC. Ele terminou a temporada 2015 e iniciou a de 2016 no Cepraf, voltando a ficar à disposição do técnico Dorival Júnior após a disputa do Campeonato Paulista. Mas não conseguiu regularidade, já que acabou voltando várias vezes para o departamento médico.

Valencia atuou em duas partidas em 2016. Ele entrou no segundo tempo da vitória do Peixe sobre o Galvez, do Acre, na segunda fase da Copa do Brasil. E também substituiu um companheiro na etapa final da partida Santos FC 3 x 0 Botafogo, disputada no Pacaembu e válida pelo Brasileirão. Ele foi relacionado para 18 jogos no ano.

Edwin Armando Valencia Rodríguez começou a carreira no América de Cali, da Colombia. Da base ao profissional, ficou de 1996 a 2007. Depois defendeu o Atlético Paranaense (2007-2010) e o Fluminense (2010-2014) antes de chegar ao Santos FC. No Alvinegro Praiano atuou em 18 jogos, sem marcar nenhum gol. Ajudou o Peixe na conquista do Bicampeonato Paulista 2015/2016.