Carol Arruda vê duelo contra a Ferroviária como “primeira final” do Brasileiro Feminino

Carol Arruda vê duelo contra a Ferroviária como “primeira final” do Brasileiro Feminino

(foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo / Santos FC)

As Sereias da Vila têm um dos jogos mais importantes desta temporada na próxima quarta-feira (17). A equipe feminina do Santos FC enfrenta a Ferroviária-SP, às 17 horas, na Fonte Luminosa, em Araraquara. O Alvinegro Praiano joga por um empate para se classificar à próxima fase do Campeonato Brasileiro. A zagueira Carol Arruda, que está se recupera de uma lesão, vê o confronto diante do time do interior como uma “final”.

“É a primeira final que nós vamos enfrentar no campeonato. Nós já sabíamos, desde o início da competição, que teríamos esse tipo de confronto. Estamos bem preparadas. Vamos lá pensando em vitória, no empate nós pensamos dependendo das circunstâncias. Quando entramos em campo, sempre entramos pensando em vencer”, diz a defensora.

O time santista mescla atletas experientes com jovens, diferente do adversário que conta com jogadoras mais jovens. “Em um momento de nervosismo, nossa experiência pode ajudar bastante. Mas dentro das quatro linhas, com a bola rolando, que estiver melhor é que ganha, afirma Carol.

Ainda sem ter a certeza que retorna contra a Ferroviária, Carol Arruda, que ficou duas semanas parada, se coloca à disposição do técnico Caio Couto.

“Fiquei duas semanas parada, mas já estou à disposição. Vou querer ajudar, independente do jeito que for. Se precisar que eu entre em campo e depois volto ao tratamento. Eu encaro.”

O Santos FC está na segunda colocação do Grupo 01, com sete pontos. Em Araraquara o Peixe disputa a última rodada da primeira fase. O Peixe marcou seis gols e sofreu um. Sole e Ketlen são as artilheiras do time com dois gols cada.