Antes das Olimpíadas, trio de Meninos da Vila encara Ponte Preta pelo G4 do Brasileirão

Antes das Olimpíadas, trio de Meninos da Vila encara Ponte Preta pelo G4 do Brasileirão

(fotos: Ivan Storti/ Santos FC)

Diante da Ponte Preta, Gabriel, Thiago Maia e Zeca fazem sua ‘despedida’ do Santos FC. Não será o último jogo do trio pelo Peixe, mas os torcedores santistas não os verão em campo nos próximos desafios do Alvinegro Praiano, já que os três se apresentam à Seleção Brasileira na segunda-feira (18) para a disputa dos Jogos Olímpicos. Mesmo com a ansiedade para trazer o inédito ouro para o País, os Meninos da Vila esperam dizer até logo à torcida alvinegra com uma ótima apresentação neste sábado (16), na Vila Belmiro.

“Já irei entrar em campo com muita saudade. Principalmente, da Vila Belmiro, onde me sinto em casa. Também vou sentir saudades do nosso ambiente de trabalho e dos amigos que tenho aqui. Espero até que possa sair um golzinho, pois está na hora fazer um gol”, brincou Thiago Maia.
Já Zeca destaca a importância de uma vitória, para que o Santos FC possa continuar na parte de cima da tabela de classificação do Nacional. “Sempre falo em manter os pés no chão e pensar em jogo a jogo. Enfrentaremos um time qualificado e rápido. Temos que entrar ligados para buscar a vitória e seguir no G4 do Brasileirão”, ressaltou o lateral esquerdo.

Gabriel 150

Ainda ‘vivendo o sonho’ da convocação para as Olimpíadas, Gabriel espera por um grande desempenho na disputa pelo ouro. “Espero ajudar a minha equipe e também realizar esse sonho, que é disputar as Olimpíadas. Disputar uma competição como essa no Brasil, é para poucos. Desejo realizar meu trabalho da melhor maneira lá”, falou o camisa 10 do Santos FC.

Caso levem o Brasil até a decisão pelo ouro, marcada para o dia 20 de agosto, no Maracanã, o trio de Meninos da Vila desfalcará o Peixe de cinco a seis rodadas no Brasileirão – Santos FC e Coritiba jogam no dia 22 de agosto, no Couto Pereira, e o aproveitamento dos atletas dependerá do desgaste de cada um, além dos compromissos na Copa do Brasil – só existe a certeza dos dois jogos do Gama, pela terceira fase do torneio de mata-mata.

(Texto: Vinicius Vieira)